Resenha | Reticências, de Solaine Chioro

Oies Bookaholics!

Aproveitando que alguns e-books nacionais da Agência Página 7 custam apenas R$ 1,99 nesse mês de junho no site da Amazon, adquiri Reticências, da autora Solaine Chioro.

Não há spoilers nessa resenha!

RETICENCIAS_1554125104866152SK1554125105B

Agência Página 7 – 2019 – 126 Páginas – 4,5/5

Joana (@vidaspretas) tem uma conta famosinha onde posta artes autorais com frases bacanas sobre vivências de pessoas negras. Davi (@caradaprefeitura), que trabalhava como freela de social media da prefeitura, entrou em contato com @vidaspretas e a contratou para ilustrar uma campanha para o mês da consciência negra. Os dois se aproximaram, trocaram muitas mensagens e acabaram continuando o contato mesmo depois do trabalho acabar. Quando saiu da prefeitura, Davi perguntou se ela queria adicioná-lo na sua conta pessoal, mas Joana gostou da ideia de manter o mistério, e sentiu que podia falar mais abertamente com ele sem saber quem estava do outro lado, por isso, Davi acaba criando uma conta só para falar com ela. 
Há seis meses trocando mensagens, nenhum dos dois tomou a iniciativa de dizer quem realmente são na vida offline.
É quando Davi começa como temporário da empresa de marketing em que Joana trabalha e os dois se odeiam logo de cara, sem saber que são a crush virtual um do outro.

Eu gosto muito da escrita e das temáticas que a autora trabalha, já tinha lido seu conto presente no livro Formas reais de amar e novamente ela traz para o protagonismos personagens negros e gordos, ou seja, personagens fora do padrão. Reticências me intrigou desde a sinopse, e por já saber quem eram os personagens como leitora eu ficava esperando pelo momento do encontro em que fossem revelados suas verdadeiras identidades.

O que me deixou muito impressionada com Reticências é que em poucas páginas a autora consegue desenvolver diversas camadas da história e dos personagens, em que o passado e o futuro dão margem para um aprofundamento da história. Isso significa que esse conto é tão bom que deixa aquele gostinho de quero mais, sabe?

Mesmo gostando muito das aulas de gramática no colégio e de ter uma profissão que o obrigava a escrever constantemente, ele nunca pensou que pudesse desenvolver um sentimento tão forte e real por um sinal gráfico. As reticências tinham conquistado um poder imenso em sua vida. Eram aqueles pontos, piscando e piscando durante longas conversas, que o faziam sorrir ao esperar por novas mensagens. Tinham contato direto com sua ansiedade e lhe causavam reações físicas, do calor na nuca ao frio na espinha.

Mesmo com uma narrativa em terceira pessoa, os capítulos se alternam com a perspectiva dos dois personagens principais, além da interação entre as conversas deles pelo Instagram. O que nos dá acesso aquilo que ambos os personagens estão sentindo e por isso a gente sente empatia e torce por eles desde o início.  Joana e Davi são personagens adultos, eles já terminaram a faculdade e fica aquela incerteza da profissão e das escolhas que precisam ser feitas em relação ao futuro, ao mesmo tempo em que há aquelas dúvidas de ter escolhido a carreira certa e todas as paranoias do tipo: o que estou fazendo com a minha vida? Será que tudo isso vale a pena?

– Fico meio noiada achando que a minha vida não tem propósito nenhum e que tô deixando de fazer algo que eu deveria estar fazendo.

– A vida é o que a gente faz dela, o que pode ser um milhão de coisas diferentes. Se você tira todas as pequenas jornadas que te levam até o destino final, você tá tirando todo o motivo daquela trajetória existir pra começo de conversa. São os desvios no caminho que fazem você ser quem é. E tudo isso é a vida. 

E para mim ler esse trecho num momento em que estou quase terminando a faculdade, com várias interrogações na cabeça me fez refletir e tentar não me abalar com o futuro, parece besteira mas acabo sofrendo muito antecipação, não sei se acontece o mesmo com vocês. Mesmo porque a gente nem sempre tem condições de meter o f* se está insatisfeito com algo ou estabilidade financeira para fazer o que realmente quer ou mudar completamente o foco.

Porque a realidade é mais complicada do que a gente imagina quando somos mais novos. Eu achei que a essa altura eu ia tá vivendo daquilo que amo, me sentindo completamente realizada e caminhando pro sucesso. Mas tinham vários boletos para serem pagos no meio do caminho. 

E o adicional é que por ser negra eu me vi representada diversas vezes pelo o que estava sendo narrado, e sim, enquanto houver essas disparidades raciais na sociedade fica impossível para os autores negros não retratarem as suas experiências em suas obras, e o mesmo acontece com outras minorias, como a comunidade LGBT.

Solaine Chioro também chama a atenção para a importância de buscar ajuda para questões mentais, principalmente por conta dessas experiências diárias que afetam as não só as nossas emoções, mas que acabam por serem bases que vão moldando a nossa vida desde sempre e prejudicam a nossa auto-estima.

Cuida da sua saúde mental, porque o resto do mundo obviamente não tá muito preocupado em como vai atacar seu emocional. 

O único ponto que não me agradou muito foi a forma como Joana reagiu ao descobrir quem era o @caradaprefeitura, como eu mencionei anteriormente, a gente torce pelo casal, e por mais diversas que reações no encontro pudessem ser, eu achei que ela exagerou, mas depois com o desenrolar a gente compreende melhor.

Por fim, Reticências é um conto que não trata apenas de um relacionamento amoroso, mas com outras questões tão pertinentes quanto, que mostra alguns pontos tristes da realidade, mas que também dá um quentinho no coração, afinal precisamos de uma mensagem de esperança mesmo quando as coisas não estão nada favoráveis.

Fica a minha recomendação de uma história com um lugar de fala que dá a possibilidade de mostrar uma outra realidade talvez desconhecida de muitos. Solaine Chioro tem me conquistado a cada história e não vejo hora de conhecer cada vez mais do seu trabalho e sua escrita.

 

Até o próximo post!

 

Redes sociais *Skoob/ *Goodreads/ *Instagram/ *Facebook/ * Filmow

 

6 Comentários

  1. Adorei a sinopse! 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Bia! Ahhh, tomara que vc leia e goste o tanto quanto eu 😉

      Curtido por 1 pessoa

  2. […] Uma leitura que me trouxe um quentinho no coração! Confiram: Resenha | Reticências, de Solaine Chioro. […]

    Curtir

  3. […] Davi ❤ Resenha | Reticências, de Solaine Chioro […]

    Curtir

  4. jadecoutinho · · Responder

    Aí, eu amei! Muito minha cara um romance água com açúcar hahahaha vou tentar ler

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Jade! Ah então aproveita, acho que vc vai gostar muito 😉

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: