Book Haul | 5 livros novos na estante

Oies Bookaholics!

Como vocês sabem (ou não) esse ano eu tinha como meta não comprar livros, já que eu estava com vários livros parados na estante e não cabe mais nada, além de que eu estava gastando muito com livros.

 

Os livros que eu comprei

Minha meta estava funcionando bem, mas precisei adquirir alguns livros que eram de leitura obrigatória na faculdade, e não tinha disponível na biblioteca e nem nos outros meios que os próprios professores compartilham com os alunos (aka Library Genesis). Os livros fazem parte da disciplina de Leituras do Cânone 3, que tem foco a literatura norte-americana, e o recorte escolhido pelo professor não foi a leitura de clássicos, mas da literatura contemporânea, essencialmente entre os anos 1980 e 2015.

Como eu ainda tenho dificuldades com a leitura em inglês e ainda por conta do prazo para ler esses livros, optei por comprar uma edição já traduzida, só o primeiro livro da lista não foi traduzido para o português e compensava adquirir somente em e-book. Adquiri os livros pelo site da Amazon, que para mim tem sido o melhor lugar para comprar livros e com um frete baixo (pelo menos para São Paulo).

 

Andrew’s Brain (E.L. Doctorow) – E-book – R$ 19,90

ANDREWS_BRAIN_1544744956836088SK1544744956B

This brilliant new novel by an American master, the author of Ragtime, The Book of Daniel, Billy Bathgate, and The March, takes us on a radical trip into the mind of a man who, more than once in his life, has been an inadvertent agent of disaster.
Speaking from an unknown place and to an unknown interlocutor, Andrew is thinking, Andrew is talking, Andrew is telling the story of his life, his loves, and the tragedies that have led him to this place and point in time. And as he confesses, peeling back the layers of his strange story, we are led to question what we know about truth and memory, brain and mind, personality and fate, about one another and ourselves.
Written with psychological depth and great lyrical precision, this suspenseful and groundbreaking novel delivers a voice for our times-funny, probing, skeptical, mischievous, profound.

 

1004_1518960143758041SK1518960143B10:04 (Ben Lerner) – R$ 24,90

Segundo romance do autor do aclamado Estação Atocha, 10:04 alçou definitivamente o nome de Ben Lerner ao olimpo da ficção literária contemporânea. No livro, que possui boas doses de autoficção e metalinguagem, o narrador, Ben, vive numa Nova York turbulenta, ameaçada por terremotos, furacões e convulsões sociais. Neste cenário um tanto desolador, Ben é diagnosticado com uma síndrome cardíaca potencialmente fatal, ao mesmo tempo que recebe um gordo adiantamento por um livro que ainda não escreveu e uma proposta de conceber um filho com sua melhor amiga. Enquanto reflete sobre a iminente extinção da cidade, a angústia de uma paternidade não programada e os desafios de escrever em tempos tão instáveis, o narrador constrói um romance dentro do romance, em que vislumbra, com uma prosa poética, intimista e bem-humorada, os múltiplos futuros que podemos habitar e as conexões que ainda precisamos formar.

 

OS_LANCACHAMAS_1404326510BOs lança-chamas (Rachel Kushner) – R$ 5,94

O ano é 1975 e Reno – uma jovem recém-formada que ganhou esse apelido por causa de sua cidade natal — acaba de se mudar para Nova York disposta a transformar em arte seu fascínio por motocicletas e velocidade. Sua chegada coincide com um período de ebulição no mundo artístico de Manhattan: pintores, escultores, fotógrafos, videomakers e agentes estão começando a colonizar a até então deserta e industrial região do SoHo, a desenvolver ações no East Village e a confundir os limites entre vida real e arte.
Passional, vulnerável e corajosa, Reno se junta a um grupo que a submete a uma espécie de educação sentimental. Ela logo começa a namorar um artista plástico chamado Sandro Valera, herdeiro distante de um império de pneus e motocicletas italianos. Quando eles visitam a família de Sandro na Itália, Reno se vê envolvida com membros dos movimentos radicais que tomaram conta daquele país nos anos 1970, e uma traição a jogará nos submundos da clandestinidade.

 

Os livros que ganhei

Estagiar na Universidade de São Paulo às vezes nos dá a oportunidade de adquirir alguns títulos publicados pela editora da própria universidade (Edusp). Os livros acadêmicos geralmente custam mais caros e eu costumo esperar para comprar em feiras promocionais com 50% de desconto, e ainda assim, alguns títulos não saem menos de R$ 30. Enfim… O primeiro título eu já queria desde o seu lançamento em 2017 e o segundo me chamou muito a atenção já que gosto de conhecer os bastidores que envolvem os livros.

50_ANOS_DE_FEMINISMO_1491497127669789SK1491497127B50 anos de feminismo: Argentina, Brasil e Chile (Org. Eva Blay)

Nos últimos cinquenta anos, o movimento feminista na América Latina conduziu uma mudança cultural visível no trabalho, na educação, na estrutura familiar, na política e no uso dos meios de comunicação. Em particular, os movimentos de mulheres brasileiras, argentinas e chilenas, historicamente articuladas em múltiplas formas de associativismo, hoje são capazes de influenciar a implementação de políticas de promoção de direitos civis e sociais. Brasil, Argentina e Chile atravessaram etapas sociopolíticas paralelas – ora de avanço, ora de recuo – e iniciaram o século XXI com a eleição de mulheres para a presidência da República. Esta coletânea é resultado das primeiras reflexões de uma pesquisa iniciada em 2012, que tem a participação de acadêmicas, estudantes de graduação e pós-graduação, militantes feministas e promotores de políticas públicas voltadas às mulheres, com o objetivo de comparar os processos de transformação da condição de gênero nesses três países.

 

HISTORIA_DAS_BIBLIOTECAS_DE_A_1549965598852021SK1549965599BHistória das Bibliotecas (Frédéric Barbier)

Frédéric Barbier propõe uma história das bibliotecas a partir de uma estrutura cronológica ampla, adotando uma perspectiva comparativa: parte das bibliotecas da Antiguidade clássica, passa pelas da Idade Média, acompanha as mudanças decorrentes da invenção de Gutenberg, testemunha tanto a difusão do modelo da “biblioteca mural”, até o final do século XVIII, como a problemática da coletividade e da leitura pública, no século XIX, até enfim chegar à pós-modernidade marcada pela desmaterialização das novas mídias e pela generalização de uma acessibilidade em tempo real. Para o autor, a biblioteca sempre foi uma instituição de transferência cultural, um lugar de encenação e um meio de legitimação do poder, sendo necessário considerar, assim, não só as transformações materiais, mas também a influência do mundo das bibliotecas sobre o mundo do pensamento, das ideias, da informação e da política.

 

E vocês, costumam estipular um valor para gastar com livros ou saem comprando por impulso e desejo?

 

Até o próximo post!

 

Redes sociais *Skoob/ *Goodreads/ *Instagram/ *Facebook/ * Filmow

 

 

12 Comentários

  1. Oi, Camila. Tudo bem? 😄Gostei muito das suas aquisições de livros. Nunca ouvi falar desses títulos. Você fará resenha deles? Bjs, Agnes

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Agnes! Mulher, eu tbm não conhecia esses indicados no programa do curso hahaha. Então, não sei se terá resenha exclusiva de todos, mas se não fizer, terá algum comentário no post de leituras do mês 😉 Bjos

      Curtido por 1 pessoa

      1. Vou aguardar o post, então 😄. Conhecer novos escritores sempre amplia os nossos horizontes literários. E é até válido para sairmos da zona de conforto. Bjs

        Curtido por 1 pessoa

        1. Sim, disse tudo! 🙂 O problema é arrumar tempo para ler tudo hahaha ❤

          Curtido por 1 pessoa

  2. Às vezes compro na impulsividade, mas como sou pão duro, acabo me segurando ao máximo 😌😌

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Tati, estou tentando ser mais pão duro hahaha! Como eu disse, gastei muito com livros nos três últimos anos, daqui a pouco minha mãe me coloca pra fora 😉

      Curtido por 1 pessoa

  3. Oi Camila! A disciplina Literatura do Cânone 3 está sendo bacana? Gostei bastante do livro sobre feminismo no Brasil, Argentina e Chile, depois nos conta o que achou!! Bjs!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Ju! Sim, apesar de não conhecer nenhum dos autores e livros que estão no programa estou gostando bastante da disciplina. Eu gosto muito do estilo do Profs. Marcos Soares, o mesmo que tive Literatura e Cinema no semestre passado 😉 Sobre o livro sobre feminismo na América Latina vou ver se consigo colocar na minha TBR no próximo mês 😉 Bjos

      Curtido por 1 pessoa

      1. Legal!! Mais uma matéria que vou ver se pego, as aulas são em inglês? Bjs!

        Curtido por 1 pessoa

        1. Ele costuma variar bastante entre o por/ing, principalmente pq gosta que os alunos interajam com ele, rs. No semestre que vem ele dará tópicos do Romance, quando ele disponibilizar o programa eu te passo, vai que vc curta 😉

          Curtido por 1 pessoa

          1. Oba! Tomara que dê certo!!! Bjs!

            Curtido por 1 pessoa

  4. Um vídeo de ginástica, quero ver eu ficar olhando e tentar aquilo [risos].
    Livros de outra língua não acontece.
    Tentei uma história em espanhol e um dicionário assim, ambos e-books, nem li, juntaram-se a outros e-books de não ficção, para aumentar a lista dos não lidos, porém não anotados no Skoob. Certos livros devem ser físicos, jamais em e-books.
    Não vou me arriscar mais em comprar e-books católicos, fotográficos, culinários, de Pelotas e outros, que sei que não vou ler;
    Tem que ser de ficção. Não ficção é dinheiro jogado fora. Pra mim é.
    Minhas listas seguem não sendo feitas. Tenho alguns e-books ainda no Kindle Paperwhite e enquanto não lê-los, não compro mais.
    Olhando Amazon assim como Americanas para ver smartphones. Motorola ou Iphone? Aliás esse é um post para o dia 19, já programado, se eu for mesmo comprar.
    Abraços.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: