Diário da Faculdade | Teoria Literária e Literatura Comparada

Oies Bookaholics!

Minhas aulas retornam na segunda-feira, dia 6, e esse é o último post sobre o 2º ano. Espero conseguir postar o diário com as experiências do 3º ano conforme as coisas forem acontecendo, se o tempo disponível deixar, é claro, rs.

Vou listar todos os posts dessa série de diários para que vocês possam conferir tudo:

 

Como eu disse várias vezes aqui no blog um dos maiores motivos que me incentivaram a escolher Letras como curso de graduação foi porque sou apaixonada por Literatura, e há uma área específica para isso: Teoria Literária e Literatura Comparada ❤

Desde do começo do curso eu tive contato com essa área, mas o meu interesse maior se deu a partir das matérias de Literatura Brasileira I e II. E eu estou apaixonada. ❤ ❤ Basicamente essa área tem foco nas seguintes linhas de pesquisas: Literatura e Sociedade; Estudos Comparatistas da Literatura; Formas e Gêneros Literários; Crítica e História Literária e Literatura e Psicanálise.

Na Universidade de São Paulo há um departamento exclusivo para essa área o DTLLC – Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada que vocês podem conhecer mais detalhes e se aprofundar. 🙂

Quando se pensa em teoria e comparação na literatura há que se pensar também em pesquisa, muita pesquisa sobre determinado assunto. Muitos críticos literários se valem de anos de pesquisas e estudos para falar sobre uma determinada obra ou assunto, que analisa os padrões e formas, conseguem determinar se uma obra é boa ou não (mas isso é outro assunto que prefiro não entrar agora para abordar o debate sobre o cânone, rs).

O legal nessa área é que você pode se aprofundar em um determinado assunto, estudar as obras literárias, fazer comparações e ainda cruzar com assuntos de áreas diferentes como a psicanálise, filosofia, sociologia, por ser uma área interdisciplinar. Linha de raciocínio que meu professor em Literatura Brasileira II seguiu para analisar as obras estudadas no programa do curso.

Outro detalhe legal é que esse é um campo aberto, nada em teoria literária está fechado, é possível fazer debates e questionar posicionamentos. Por exemplo, as críticas que existem sobre “Vidas Secas” da década de 1950/1960 se aplicam mais ao estudos e avanços da teoria literária hoje.

Os maiores pesquisadores sobre essa temática com ensaios e estudos (muito difíceis de decifrar, inclusive) que me acompanham desde o primeiro semestre são:

  • Walter Benjamin
  • Theodor Adorno
  • Anatol Rosenfeld
  • Georg Lukács
  • Antonio Candido

 

Os meus interesses nessa área são o gênero do testemunho, a ideia de memória, violência, autoritarismo que englobam a Ditadura Militar Brasileira e a Segunda Guerra Mundial. Eu comecei a investir em livros com essa temática sendo eles:

 

Nesse semestre eu vou cursar a disciplina optativa de Teoria Literária I e se dependesse de mim, cursaria todas disponíveis pelo departamento! ❤ Eu espero muito gostar da matéria e conseguir me aprofundar no assunto para iniciar a minha Iniciação Científica! Oremos!

Até o próximo post!

Camila Melo

Me acompanhem nas redes sociais *Skoob / *Instagram / *Facebook / * Filmow

 

 

 

 

 

 

Anúncios

17 Comentários

  1. Adorei a forma como explicou sobre as matérias, me interesso muito pelo curso (apesar de ter optado por Jornalismo). Beijos

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies… Fico muito feliz que você tenha gostado, conheço pessoas que são do Jornalismo e depois cursam Letras ❤ Eu já pensei em fazer jornalismo tbm, rs Bjos ❤

      Curtido por 1 pessoa

  2. Olá, tudo bem? Eu curso letras e simplesmente amo teo. lit., mas na minha faculdade ( Ufrrj ), juntaram a lll com a lV, fiquei muito triste, mas.. Espero que você continue feliz nessa área. Adorei o post, você é muito talentosa, sucesso!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies tudo bem e vc? 🙂 Seja muito bem vinda (o)… Na USP, temos somente como matérias obrigatórias no primeiro ano e depois são matérias optativas, e são muito concorridas, estão sempre com turmas lotadas =/ Imagino como deve ser aí, que frustração 😦 Muito obrigada pelo carinho ❤ ❤ Bjos da Cah! ❤

      Curtido por 1 pessoa

      1. Aqui elas não são tão concorridas, mas para mim são as melhores, poxa, é muito frustrante ter a carga horária tão pesada e saber que eles resolvem tirar logo matérias de literatura, que são as que eu mais gosto..

        Curtido por 1 pessoa

        1. Dá até raiva né? Eu optei por cursar letras justamente pela literatura… A situação está difícil, quase não tem professor e os que te ficam sobrecarregados =/ Espero que as coisas melhorem!

          Curtido por 1 pessoa

          1. Uhum, o pior são os horários, eu não consigo horários acessíveis com facilidade, eu curso letras por amor mesmo porque tudo desanima.

            Curtido por 1 pessoa

          2. Exatamente! Eu estou tentando cursar Teoria Literária I, só que a turma que escolhi é de manhã, pq a profs tem um programa que me interessa muito que fala sobre memória e experiência, à noite o programa é totalmente diferente. Ou seja, preciso madrugar, ir para o estágio e voltar para a aula da noite… E é como vc disse, é só por amor mesmo!

            Curtir

          3. Não é fácil, mas vamos conseguir, boa sorte!!

            Curtido por 1 pessoa

  3. […] Cá do A Bookaholic Girl fez toda uma série sobre a experiência dela ao estudar Letras na USP, o Diário da Faculdade. Certamente é bem esclarecedor para quem quer saber os pontos negativos e positivos, enfim, a Cá […]

    Curtido por 1 pessoa

  4. Eu AMOOOO seus posts de faculdade, é tão bom poder conhecer mais sobre o curso, as aulas, você sabe como instigar e deixar o leitor querendo mais, hehe.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Obaaaa! =D Nesse ano vou tentar fazer mais posts ao longo dos semestres, para não acumular tudo, rs Provavelmente na próxima semana já terá um novo! 😉 Bjos ❤

      Curtido por 1 pessoa

      1. Ebaa, vou aguardar ansiosamente ❤

        Curtido por 1 pessoa

  5. […] agora: eu me apaixonei pela área de Teoria Literária e Literatura Comparada e fiz de tudo para conseguir uma vaga (extremamente concorrida) para cursar essa disciplina! É a […]

    Curtir

  6. […] indivíduo.  Para quem acompanha o blog, ou não, o meu interesse de estudos dentro da área de Teoria Literária e Literatura Comparada é a […]

    Curtir

  7. […] Quando eu iniciei o curso de Letras, não queria ir para a sala de aula de jeito nenhum! No post de 1º Ano do Curso de Letras | FFLCH – USP eu explico muito bem isso, (vale a pena conferir 😉 ) No início do segundo ano fiquei muito empolgada com a área de Editoração (mais detalhes: USP | Introdução à Editoração ), que não faze parte do curso de Letras e no final do ano passado me interessei muito por Teoria Literária e Literatura Comparada (confiram: Diário da Faculdade | Teoria Literária e Literatura Comparada). […]

    Curtir

  8. […] no ano passado eu me apaixonei pela área de Teoria Literária e Literatura Comparada (confiram: Diário da Faculdade | Teoria Literária e Literatura Comparada), e desde novembro do ano passado participo das reuniões de um grupo de pesquisa sobre literatura […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: