Sobre um livro que te faz rir do começo ao fim…

Oies Bookaholics!

Como promessa é dívida, vim aqui resenha o último livro, pelo menos lançado até o momento, dessa série maravilhosa, a Família Walsh. ❤ Eu iniciei o projeto de (Re)Leitura: Série Família Walsh – Por Marian Keyes no ano passado e finalmente vim finalizar 🙂 Apesar de muitas pessoas não conhecerem o trabalho da Marian Keyes me sinto muito feliz por ter compartilhado aqui no blog essa série. Sou apaixonada pelos livros da autora e ela é uma das minhas autoras preferidas da vida! Só em pensar em tudo que já li dela fico emocionada, rs ❤ ❤

download.jpg

  • Título original: Mammy Walsh’s A-Z of the Walsh Family
  • Autora: Marian Keyes
  • Nacionalidade: Irlanda
  • Editora: Bertrand Brasil
  • Gênero: Romance / Chick-Lit
  • Lançamento: 2012 – Lançamento Brasil: 2014
  • 160 Páginas
  • Classificação: 5/5

Sinopse: Cheio de humor, cheio de lágrimas, cheio de emoção e de vida. Depois de histórias que envolviam suas cinco filhas Claire, Margaret, Rachel, Anna e Helen , faltava um livro que trouxesse as palavras da matriarca de uma das famílias mais divertidas da literatura. Em Mamãe Walsh – Pequeno Dicionário da Família Walsh, Marian Keyes apresenta mais um exemplo que explica porque ela se tornou a maior escritora de chick-lit do planeta. A obra traz uma compilação de expressões que fazem o leitor compreender ainda melhor essa inusitada família. Em cada uma delas, a chefe do clã narra acontecimentos que ilustram o tema, como H de Homens de verdade, em que ela conta as aventuras com grandes exemplares do sexo masculino; ou C de Cozinha, com histórias sobre o dom culinário dos Walsh. Mamãe Walsh produzirá no leitor lembranças de cada um dos títulos anteriores de Marian, de Melancia a Chá de sumiço, causando identificação instantânea: quem nunca passou por situações loucas na vida? Um livro que convida todos a se divertirem mais uma vez com esses incríveis personagens. São páginas repletas de humor e sagacidade, como somente Marian Keyes é capaz de escrever.

De leitura bem rápida e divertida, sendo listado com termos ou expressões em ordem alfabética, o livro retoma alguns pontos das histórias da família, bem como o ponto de vista da matriarca. A ideia de Marian Keyes foi incrível ao presentear os fãs com esse bônus da série ❤ Foi uma experiência incrível reviver alguns momentos das histórias de Claire, Rachel, Maggie, Anna e Hellen ❤

Esse livro só terá sentido para quem acompanhou todas os livros da série, mas tem alguns pontos que acredito que merecem destaque no que diz respeito às curiosidades da Irlanda. Porém, alguns momentos hilários que merecem destaque são a descoberta da mãe sobre calcinha fio dental, sua obsessão por guarda-chuvas (afinal na Irlanda chove o tempo todo), a sua falta de habilidade na cozinha e momento muito divertido sobre o One Direction, antes da saída de Zayn, é claro o livro foi publicado em 2012, rs:

“Z também é de Zayn Malik… Ele faz parte do One Direction. É um fofinho! Todos eles são fofinhos, mas Zayn é o meu favorito. Recentemente descobri algo inesperado a respeito deles – pelo que ouvi falar, eles também são cantores! Isso mesmo! Apresentam músicas no palco, gravaram CDs e até fazem shows! E eu que achava que eles existiam unicamente para exibir cabelos maravilhosos e posar como um grupo de rapazes fofinhos para calendários e posters!” (Pág. 159)

Mamãe Walsh, ou melhor, Mary, foi criada em tempos bem diferentes que os de hoje em dia. Ela nasce em uma época em que o conservadorismo e o cristianismo era bem forte e determinavam o modo com as pessoas, principalmente as mulheres, deveriam viver, se casar e levar suas vidas. Mary precisa aprender a  viver em meio aos valores e princípios que foi criada e com os tempos modernos e tecnológicos, com 5 filhas que a cada momento está passando por uma crise diferente.

Um ponto de achei bem curioso é o sobre como as mulheres eram tratadas na Irlanda (e acredito que em todo o mundo), durante a década de 1950 e 1960.

“Mas logo eu me casei e parei de trabalhar. Não porque quisesse – ou pelo fato de continuar trabalhando não ficasse bem para as outras pessoas – mas porque a lei irlandesa da época exigia isso. Quem trabalhasse no serviço público, como era o meu caso, era obrigada a se demitir depois que se casava. A ideia era que, eu supunha, que, já que a pessoa tinha um homem para cuidar dela, porque razão ela precisaria continuar ganhando o próprio sustento ao mesmo tempo que roubava o emprego de um homem que realmente precisasse trabalhar?” (Págs. 57 e 58)

Parece que essa ideia se aplica em várias famílias até o dia de hoje, não que tenha uma lei brasileira semelhante a essa, mas quantas mulheres conhecemos que param de trabalhar quando se casam porque seus maridos não permitem?

“Ah, e nunca mais quero enfrentar uma prova de física do ensino médio em toda a minha vida; se bem que eu nunca estudei física porque não era permitido às meninas estudar esse tipo de matérias – sabem como é … matemática, química etc. -, para não terem ideias de terminar o curso, conseguir um emprego e acabar roubando-o de um homem mais merecedor que elas.” (Pág. 48)

Desse trecho podemos compreender o machismo institucionalizado que diz que matérias e cursos da área de exatas não se aplica às mulheres. Apesar de ser uma crítica da autora a forma irônica que relata não deve ser desmerecida.

Eu já disse em outros posts, mas essa série é uma das minhas favoritas da vida ❤ E a autora disse na Bienal do Livro no ano passado que estava pensando em fazer um livro com a história de Kate, a filha de Claire, que é contada no livro Melancia. Vou aguardar ansiosamente 😉

Confiram as resenhas dos demais livros da série:

Até o próximo post!

Camila Melo

Anúncios

6 comentários em “Resenha | Mamãe Walsh: Dicionário da Família Walsh, por Marian Keyes

  1. Oii Cah 🙂
    Primeiramente, parabéns por ter finalizado a série e ter compartilhado conosco sua opinião acerca da mesma. Eu li apenas “Melancia” e gostei da escrita e do enredo. O que mais me atraiu neste último é que além da autora narrar sobre a vida da personagem, no caso, a mãe, ela ainda expõe assuntos que precisam ser debatidos com mais frequência.
    Sua resenha ficou ótima!
    Beijinhos ❤

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oies Bia! ❤ Demorei, mas terminei o projeto, rs. Eu que me sinto honrada em dividir com vocês a minha paixão por essa série ❤ Pensa com carinho e leia os demais livros, sou viciantes! E esse último é incrível mesmo, apesar de rir do começo ao fim, ele aborda assuntos muito importantes como você bem disse! Muito obrigada pelo carinho, como sempre! ❤ Bjos ❤ ❤ ❤

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s