Filmes | “As palavras” + “Ligados pelo amor”

Oies Bookaholics! Hoje resolvi falar de dois filmes muito interessantes que assisti nesse final de semana. Para não me viciar nas séries da Netflix, resolvi começar assistindo alguns filmes 😉

Para a minha surpresa, ambos tem como pano de fundo livros e, consequentemente o mercado editorial. E eu simplesmente adorei! ❤ Já recomendo para vocês! 😉

as-palavras-filme

As palavras – The words (2012) 

Sinopse: Rory Jansen (Bradley Cooper) é casado com Dora (Zoe Saldana) e trabalha em uma editora de livros. Ele sonha em publicar seu próprio livro, mas a cada nova tentativa se convence mais de que não é capaz de escrever algo realmente bom. Um dia, em uma pequena loja de antiguidades, ele encontra uma pasta com várias folhas amareladas. Rory começa a ler e logo não consegue tirar a história da cabeça. Logo ele resolve transcrevê-la para o computador, palavra por palavra, e a apresenta como se fosse seu livro. O texto é publicado e Rory se torna um sucesso de vendas. Entretanto, tudo muda quando ele conhece um senhor (Jeremy Irons) que lhe conta a verdade por trás do texto encontrado.

Esse filme usa e abusa da moldura narrativa, ou seja, há uma história dentro de uma outra história. Na primeira parte o personagem Clayton Hammond lê seu livro “As palavras” numa sessão para diversas pessoas. A partir desse ponto, a história do livro começa a ser desenvolvida pelos personagens interpretados por Bradley (gato) Cooper como Rory Jansen e Zoe Saldana como Dora Jansen. Acompanhamos a luta de Rory para escrever e publicar seu livro: as longas horas escrevendo, a falta de dinheiro e as repostas negativas das editoras.

Não por acaso, ele resolve começar a trabalhar em um “emprego de verdade”, em uma editora de livros. Mais facilidade com contatos na área para finalmente poder publicar seu livro. Durante a sua lua de mel em Paris, o casal Rory e Dora passeiam por uma loja de antiguidades e encontram uma pasta.

Para a surpresa de Rory, ele encontra algumas folhas amareladas e começa a leitura, sem conseguir parar. Ele copia todas aquelas páginas, sem modificar uma única palavra, linha ou parágrafo e publica o livro como se fosse seu, afinal não tinha nome do verdadeiro autor. O livro vira um sucesso e Rory finalmente se vê como um escritor de sucesso, recebendo vários prêmios e publicando os livros que ele mesmo escreveu.

As coisas começam a ficar mais interessantes quando um velho vai trás de Rory e diz que conhece a verdade sobre aquela história. Mais uma vez, o filme utiliza do recurso da moldura narrativa, para se voltar à história do velho, durante o período em que viveu durante a Segunda Guerra Mundial. Ficam as perguntas: será que o velho irá denunciar Rory? Será que Rory vai assumir que ele não é o autor do livro que o consagrou? O que será que vai acontecer?

O final deste filme foi tão incerto para mim que precisei consultar alguns spoilers na internet (quem nunca!) para entender e ainda voltar às cenas finais… E foi surpreendente!

ligados pelo amor.jpg

Ligados pelo amor – Stuck in love (2014) 

Sinopse: Esta comédia dramática apresenta um escritor de sucesso (Greg Kinnear) que se torna cada vez mais obcecado por sua ex-esposa (Jennifer Connelly), a ponto de criar problemas em sua nova família.

Esse filme aborda a vida da família Borgens. Bill é um romancista de sucesso que não aceita o fim do seu casamento com Erica, mesmo após 3 anos. Erica traiu o marido e até se casou novamente. Sam (Lily Collins – “Sem saída”, “Simplesmente acontece”), a filha mais velha, está cursando faculdade e está prestes a pulicar seu primeiro livro. Digamos que a moça tem um espírito livre: não quer se apegar a relacionamentos, e tem ódio mortal pela mãe.

Rusty (Natt Wolff – “A culpa é das estrelas”, “Cidades de papel”) é o filho mais novo, que é considerado tipicamente como nerd e está cursando o ensino médio. É apaixonado pelos livros de Stephen King e é o oposto da irmã, mora com o pai, mas ainda assim consegue manter um relacionamento estável com a mãe.

O que me chama atenção nesse filme é que Bill sempre incentivou os filhos, desde pequenos, a serem escritores. Os filhos eram obrigados a escreverem diários e o pai estimula Rusty a “viver” e ter experiências para que sua vida como escritor tenha melhores resultados, evolua. E como castigo também faz com que o filho escreva, rs.

Muitas conversas do filme tem como pano de fundo livros ❤ Mas a relação da família é muito conturbada. O divórcio dos pais, a raiva de Sam por Erica e o relacionamento da filha com Louis (Logan Lerman – “As vantagens de ser invisível” “Percy Jackson”), as novas experiências de Rusty e seu relacionamento com Kate (Liana Liberato – “Confiar”, “Se eu ficar”), faz o filme ser bem tocante ao abordar várias questões de angústia e sofrimento.

O filme é sobre amor, perdão e superação. Te faz torcer por cada personagem! Estou apaixonada! ❤ ❤

Me contem nos comentários já assistiram a alguns desses filmes, vou adorar saber! 😉

Até o próximo post!

Camila Melo 

Anúncios

6 Comentários

  1. Adicionei “As palavras” à minha lista! Obrigada pela dica! Nossa, nem me fale em viciar em séries! Também nem começo, senão eu não consigo ler mais! Hahaha Fiz a besteira de reassistir todas as temporadas de Gilmore Gilrs (que eu AMO)! Tô quase acabando a sexta temp, e atrasei todas as minhas leituras por isso! =s

    Curtido por 1 pessoa

    1. Hahaha! Espero que você goste do filme tbm 🙂 Nossaaaaa… Tenho medo disso, além das matérias e leituras da faculdade. Por isso vou deixar para assistir só nas férias mesmo, senão não dou conta! Bjos da Cah ❤

      Curtir

  2. Caraca fiquei super curiosa sobre “As palavras”, planos mudados pra esse final de semana!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Haha! Eu adorei Angela Rocha, depois me diga o que achou! 😉 Bjos da Cah!

      Curtir

  3. Assisti os dois filmes. Gostei bastante do filme “As Palavras”, muito interessante, mas esperava mais do final. O filme “Ligados pelo Amor” é repleto de emoções…..
    Bjs querida amiga

    Curtido por 1 pessoa

    1. Ritinhaaa! Que bom em ver você por aqui! ❤ Eu não tinha entendido direito o final de "As palavras", mas aí fui pegar spoilers na internet e revi o final, achei muito revelador. "Ligados pelo amor" é muito fofo, trata muito do relacionamento familiar! Bjos da Cah, saudades! ❤

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: