Oies BOOKAHOLICS! Hoje, finalmente (depois das provas finais na faculdade e trabalhos para entregar), consegui ir ao cinema e assisti “A Esperança – O Final” o último filme da série distópica JOGOS VORAZES ❤ 

Quero avisar que SIM HAVERÁ SPOILERS nesse post porque a ideia é compartilhar e discutir os detalhes da série e minha experiência, ok?! 😉 #FicaDica

Meu primeiro contato com a série foi a partir do filme “Em Chamas” em 2013. Como a ação de marketing foi muito forte e em todo lugar só se falava do filme, resolvi assistir num sábado ao primeiro “Jogos Vorazes” pra ver do que se tratava e boom: me apaixonei pela história da Katniss e pelas suas peculiaridades. Naquela mesma semana fui ao cinema assistir ao segundo filme.

Quando assisti “Em Chamas”, já tinha baixado a música “We Remain” da Christina Aguilera (minha música preferida de todas no filme) que faz parte da trilha sonora e saí do cinema numa adrenalina tão grande que assim que cheguei em casa fui pesquisar na internet o que aconteceu com Peeta, o Distrito 12 e tudo o que ficou em aberto. SIM! Eu sabia que não ia conseguir aguentar e esperar um ano para ver as respostas que eu procurava só quando saísse o próximo filme 😉 haha

Com “A Esperança – Parte I” só consegui assistir no cinema bem no comecinho desse ano, infelizmente,  simplesmente porque quando foi lançado no ano passado estava trabalhando durante o dia, fazia cursinho à noite e foi no período do ENEM e do vestibular da FUVEST, tanto que assim que saí do terceiro e último dia da segunda fase fui correndo ao cinema, rs.

Mas claro que precisava ler os livros também, porque tem mais detalhes e queria comparar com os filmes, mesmo já amando a série! Aproveitei uma superpromoção no site da Submarino (que sempre tem promoções maravilhosas <3) e comprei meu box da série. Li os 3 livros esse ano e gastei meus post its e “flags” marcando todas as diferenças que encontrava entre os filmes, as frases que mais gostava e alguns detalhes que pra mim fizeram muito sentido em toda a história.

Depois de ler o primeiro livro percebi que foi o filme que menos gostei, já que alguns detalhes foram “destorcidos” no filme e fizeram toda a diferença pra mim. Por exemplo, um detalhe que é muito evidenciado no filme é que a cena em que o Peeta joga na lama os pães queimados para a Katniss e por isso que ela não “simpatizava” muito com ele no filme não é o que acontece no livro, já que o pai de Peeta envia pães e biscoitos para ela e para sua família, após a colheita em que a protagonista se voluntaria para salvar a vida da sua irmã Prim. No livro Katniss se sente em dívida com Peeta e sua família por terem ajudado num momento tão difícil e miserável para ela.

Outro detalhe de extrema importância é sobre o broche do torto: no filme Katniss encontra-o no “Prego” e dá a sua irmã que o devolve para dar sorte na Arena. Já no livro, o broche é dado a Katniss pela sua amiga (SIM!), a filha do prefeito do Distrito 12. O broche também pertenceu há uma tia da menina quando participou na mesma edição em que Haymitch vence os Jogos, e para finalizar essa tia era a melhor amiga da mãe da Katniss. Que rolo né? rs

Confesso que ao ver o primeiro filme foi difícil entender o começo da história, todo o ambiente e mensagem que a série queria passar: porque mandar crianças para se matarem numa arena até que reste um só “vencedor” e isso ser uma espécie de show para os telespectadores da Capital? Além de ver a desigualdade dentro dos distritos e a vida dura e imposta é horrível, é de cortar o coração. É tudo muito cruel! Além disso todas as mensagens que Suzanne Collins quis passar é sobre a manipulação, o debate político entre as desigualdades, minorias, e também a temática do feminismo. Por mais que a série possa ser vista por muitos como mais uma  “modinha” é possível enxergar esses temas abordados como uma forma de debate e conscientização aos jovens (que são o maior público) e refletir sobre as questões do mundo que nos rodeiam.

O segundo livro / filme “Em Chamas” apresenta novos personagens e uma nova trama que a autora consegue nos prender de uma forma tão forte, e nutrir um ódio tão devastador pelo Presidente Snow que sério dá vontade de ver a sua morte o quanto antes, rs. Há também uma relação de amor e ódio com a Johanna Mason e várias dúvidas a respeito co caráter e ações de Finnick Odair . No livro os “sinais” a Katniss sobre a aliança contra o Massacre Quartenário são mais expostos, como na cena em que há o baile e Plutarch, o novo idealizador dos Jogos,  dança com ela ele menciona sobre o horário de uma reunião o que seria uma dica sobre a Arena funcionar como um relógio. Outro ponto é descrito como Haymitch vence a sua edição dos Jogos, que remete ao ato final de Katniss na Arena atirando a flecha.

“A Esperança” terceiro livro da série foi adaptado para o cinema em duas partes (o mesmo fizeram para Saga Crepúsculo, Harry Potter, assunto para outro post). Na primeira parte podemos acompanhar a entrada de mais uma personagem na série: Alma Coin, presidente do até então destruído Distrito 13, e quer quer usar Katniss como o símbolo da revolução contra a Capital e a tirania do Presidente Snow. É todo desenvolvido um trabalho pesado de marketing para convencer / manipular as pessoas a favor da causa de Coin. É impossível não se emocionar com a música “Hanging Tree” (A Árvore da Forca) chamando a população a lutar.

“… Você, você vem para a árvore
Onde mandei você fugir para nós ficarmos livres
Coisas estranhas aconteceram aqui
Não mais estranho seria
A gente se encontrar à meia-noite na árvore-forca…”

 

O filme traz uma revelação final ao resgatarem Peeta que faz com que o nosso coração se despedace em milhares de pedacinhos ao tentar sufocar e matar Katniss porque ele sofre um telesequestro e todas as suas memórias são alteradas. Eu não sei vocês mas parecia tão real, porque o ator que interpreta o papel do garoto doce e gentil, Josh Hutcherson, sofre algumas transformações físicas que fazem dar medo, muito medo, foi muito perturbador vê-lo preso à cama. 😦 Preciso falar que sempre fui Team Peeta! ❤ Mas também nunca cheguei a odiar Gale não, rs

O último filme “A Esperança – O Final” foi lançado esse ano e o Brasil (SIM!) foi o primeiro país a exibir o filme, no dia 18 de Novembro, quanto progresso! 😉 Vi muitas críticas sobre o filme, principalmente de pessoas que também acompanham a série, mas eu simplesmente amei, sério, todos os detalhes. Não achei desnecessário fazer dois filmes, e mesmo lendo o livro anteriormente ao filme eu me surpreendi muito com as cenas, toda a ação, o suspense e os momentos trágicos não foram absorvidos totalmente pela minha pessoa e por isso estou aqui escrevendo sem parar nessa noite, quase madrugada. 😉

Como há muita ação nos momentos finais alguns detalhes não ficaram muito claros para mim, não conseguia imaginar tudo aquilo acontecendo, mas com os efeitos visuais do filme ficou tudo muito claro pra mim, e assistir em 3D fez toda a diferença. As mortes foram bem doloridas e trouxeram bastante impacto a cada cena, mas devido à tantas coisas acontecendo era impossível parar o momento para que pudéssemos chorar e sofrer. O final também foi muito fiel ao livro e amei de verdade os detalhes.

Essa série foi muito importante para mim, me marcou muito e ficará marcado para sempre! É sempre difícil, para nós leitores ou amantes de séries, lidarmos com seu fim, e ver que não haverá mais continuação na vida dos personagens que acompanhamos por tanto tempo, mas o que me deixa feliz é saber que ela foi adaptada com muita competência pelos produtores e diretores. Seria quase impossível tratar de todos os pontos que abordam os três livros e os quatro filmes nesse post, a talvez pode até várias coisas que não vi ou destaquei. Sorry!

O que vocês acharam da série? Estão sofrendo como eu? Já assistiram o último filme? Vamos compartilhar nossas experiências! 😉

Até o próximo post!

Camila Melo

 

 

 

Anúncios

6 comentários em “Jogos Vorazes: Livros e Filmes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s